Grupo Missões Home

 

HALBER LOPES

Natural de Santiago-RS, 28 anos, provém de uma família de músicos e poetas. Começou a estudar violão aos 14 anos de idade e iniciou sua carreira artística acompanhando o cantor missioneiro Pedro Ortaça, onde participa de seu primeiro DVD.

Músico, compositor e arranjador, sempre atuou na música gaúcha e já acompanhou espetáculos de artistas como: Miguel Marques, Valdomiro Maicá, Cesar Lindemeyer, Gilberto Monteiro, Jorge Freitas, Adams Cezar, Jorge Guedes, Nenito Sarturi, Chaloy Jara, Nilton Ferreira, entre outros…

Possui participação em praticamente todos os festivais nativistas do estado Rio Grande do Sul e Santa Catarina, sendo premiado, dentre outros, nos seguintes: Carijo da Canção Gaúcha, Invernada Missioneira, Coxilha Nativista, Querência do Bugio, Grito do Nativismo Gaúcho, Baqueria de los Piñales, Vigília do Canto Gaúcho, Casilha da Canção Farrapa e Barra em Canto.

Administrador de Empresas formado na URI Campus Santiago é o  proprietário do estúdio Halber Lopes, na mesma cidade, onde foi gravado e produzido o mais recente cd de Cristiano Fantinel, intitulado “E abram Cancha…”.

JARBAS NADAL

Natural da missioneira São Borja, nasceu no dia 25/12/1973, filho de Francisco Sales dos Santos e Teresa Lima dos Santos, é descendente de uma prole de músicos.

Desde os seis anos de idade dedilha uma cordeona, mas somente aos 14 anos tornou a música sua profissão. A partir de então, sua trajetória teve o privilégio de acompanhar vários grupos de baile (Grupo Estampa de Porto Alegre, Alecrim Canto de Alecrim e Orelhanos de São Nicolau), viajando por todo o Brasil de norte a sul.

Como instrumentista, sagrou-se entre os primeiros lugares em 38 Festivais Instrumentais e Rodeios Artísticos, marcou presença nos palcos de grandes festivais nativistas, tais como: Coxilha Nativista de Cruz Alta, Carijo da Canção Gaúcha de Palmeira das Missões, Tertúlia Nativista de Santa Maria, Tafona da Canção Nativa de Osório, Guyanuba da Canção Nativa de São Leopoldo, Festival da Música Crioula de Santiago, Festival o Rio Grande canta o Cooperativismo, sempre acompanhando grandes nomes do nativismo gaúcho e conquistando méritos pelas composições defendidas.

Profissionalmente também exerce a função de instrutor musical, no qual obtém a satisfação de ter formado vários instrumentistas no acordeom. Gravou 118 CDS como músico acompanhante de vários artistas renomados do meio nativista e gaúcho, como: Valdomiro Maicá, Atahualpa Maicá, Cristiano Fantinel, Emerson Gottardo, Baitaca, Miguel Marques, Garotos do Fandango, Orelhanos, e outros.

Participou de shows em grandes eventos como: Expointer em Esteio, Mostra da Arte Missioneira em São Luiz Gonzaga, Festival Internacional de Chamameceiros em São Luiz Gonzaga, Festival Del Litoral em Misiones-Argentina, Feira Agropecuária de Rondonópolis MT, Acampamento Farroupilha em Porto Alegre, Núcleo do Cavalo Crioulo do Paraná em Curitiba, entre outros.

Participou de vários programas de televisão como Galpão Crioulo RBS TV, Galpão Nativo TVE, Heranças do Sul SBT, Raízes do Sul AgroCanal, e outros.

Recentemente lançou seu 1º CD instrumental “SENHOR DA MATA”, o qual define a autenticidade de sua música.

XUXU NUNES 

Natural de São Francisco de Assis, músico, arranjador, instrumentista, cantor, vocalista e compositor.

Começou sua carreira artística em 1994 aos 14 anos de idade, animando fandangos pelo Rio Grande a fora, com o seu grupo de baile intitulado Embalo Serrano. Em 2004 começou sua trajetória pelos palcos dos festivais nativistas do estado do Rio Grande do Sul, já tendo participado e sido premiado na grande maioria deles, tais como: Querência do Bugio de São Francisco de Assis, Grito do Nativismo Gaúcho de Jaguari, Seara da Canção de Carazinho, Carijo da Canção Gaúcha de Palmeira das Missões, Coxilha Nativista de Cruz Alta, Tertúlia Nativista de Santa Maria, Festival da Música Crioula de Santiago, Gauderiada da Canção Gaúcha de Rosário do Sul, O Rio Grande Canta o Cooperativismo, Ponche Verde da Canção Gaúcha de Dom Pedrito, Tafona da Canção Nativa de Osório, Reponte da Canção de São Lourenço do Sul, entre outros.

Já acompanhou artistas renomados do cancioneiro gaúcho como: Nilton Ferreira, Analise Severo, Sérgio Rosa, Luis Cardoso, Valdomiro Maicá, Beto Caetano, Cesar Lindemeyer, Elias Rezende, Ita Cunha, Álvaro Feliciani, Eraci Rocha, Nenito Sarturi e outros.

Por vários anos fez parte do grupo do cantor nativista Miguel Marques, levando a cultura gaúcha por todo o Rio Grande do Sul e estados do Brasil como: Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Amazonas, Roraima, além dos países do Mercosul.

 

Home

De volta ao topo